fbpx
Tudo o que precisa saber sobre Acne!

Tudo o que precisa saber sobre Acne!

Mesmo sendo um problema bastante comum entre as mulheres, à acne ainda é um problema de pele que gera muitas dúvidas, como o que as causam, tratamentos, como evitar, produtos que se deve usar e afins.

Apesar de pessoas que possuem a pele oleosa serem mais propensas a apresentar acne, saiba que este é um problema que pode acometer qualquer tipo de pele, por isso, é sempre importante saber o máximo de informações para poder lidar corretamente, caso uma espinha apareça, por exemplo.

Também, acnes são muito mais que apenas algumas bolinhas que incomodam, já que elas em casos mais graves se caracterizam por inflamações na pele, que se não cuidadas corretamente, podem infecionar e trazer uma série de riscos a sua saúde.

Por isso, abaixo separamos tudo o que você precisa saber sobre a acne, e alguns dos principais hábitos que favorecem o seu aparecimento.

O que é acne?

O conceito básico de acne você conhece, que são as indesejáveis espinhas na pele! Mas, e cientificamente, você sabe o que este problema é? Saiba que, de acordo com termos científicos, a acne nada mais é que uma obstrução dos folículos da pele, que ocorre em decorrência da oleosidade e de células mortas acumuladas na superfície da pele.

Essa inflamação pode causar lesões como as espinhas, cravos, ou até pequenos nódulos endurecidos.

A acne em adultos se concentra mais na chamada zona U do rosto, que é o queixo, mandíbula e pescoço. Mas, este problema também pode se estender para as costas, pescoço, colo, e até mesmo o bumbum.

Quais as principais causas da acne?

A principal causa que pode levar ao aparecimento da acne são alterações hormonais, como as que ocorrem durante o período menstrual, menopausa e gravidez, mas há outros tipos de fatores que podem ser considerados gatilhos para o aparecimento do problema, como o uso de certas medicações, fatores genéticos ou uso de cosméticos errados para o seu tipo de pele.

Além disso, há fatores externos que também contribuem para o aparecimento da acne, como má alimentação, sol e até mesmo o condicionador que você usa, já que o resíduo que escorre durante a lavagem do cabelo pelas costas e pescoço pode ficar grudado na pele, uma ver que este produto é bastante consistente, e obstruir os poros, causando a acne.

Tratamentos para a acne?

Hoje existe uma grande variedade de tratamentos disponíveis para a acne, mas os mais comuns são com o uso de antibióticos via oral, uso de produtos tópicos a base de ácido, peelings, fototerapia, e lasers específicos para cicatrizes e manchas.

Também, é importante ressaltar que você nunca deve espremer suas espinhas, já que isso só piora ainda mais a inflamação.

Assim, para evitar a acne de forma contínua, adote em seus cuidados diários com a pele, o uso de tônicos e adstringentes, além de fazer esfoliação semanalmente. O ideal é de uma a duas vezes por semana. Mas lembre-se, evite fazer uma esfoliação mais abrangente se as acnes estiverem em processo inflamatório, é necessário muito cuidado!

Outra dica importante é nunca começar um tratamento de acne sozinha, já que este deve ser sempre indicado por um médico dermatologista, que irá analisar o seu quadro, e indicar o melhor tratamento para o seu caso.

Dicas para reduzir a acne

Agora que você já entende um pouco mais sobre a acne, o que é, as causas e os principais tratamentos, conheça algumas atitudes que você pode tomar para evitar passar por esses momentos desagradáveis:

Não lave muito o rosto

Evite lavar o rosto diversas vezes ao longo do dia, já que isso, em vez de ajudar no combate a acne, esses momentos em excesso podem provocar o conhecido “efeito rebote”, que é quando a oleosidade da pele aumenta, já que você está retirando-a frequentemente.

Isso pode fazer com que fique difícil controlar a oleosidade da pele, e consequentemente a acne.

Não esprema espinhas           

Nunca esprema ou cutuque suas espinhas, uma vez que esse mau hábito pode favorecer para a inflamação e infeccionar a pele, tornando mais grave o quadro da acne e trazendo outros tipos de complicações, e claro, o tratamento pode não ter o mesmo efeito, e pior, a acne pode piorar.

Não exagere no uso de maquiagem

Quando aparece uma espinha, nossa primeira reação é logo jogar base em cima para esconder, né?

Mas, é importante que não exagere nesta prática, já que isso pode entupir os poros e assim piorar o aspecto da acne.

Evite exposição ao sol             

Quem possui uma pele acneica deve evitar se expor ao sol sem o uso de protetor solar.

Fazer isso como uma tentativa de “secar” a espinha é um mito, ocorrendo apenas num primeiro momento, já que depois a acne volta e ainda pior, porque agora vem acompanhada das manchas e do envelhecimento da pele causado pelo sol.

Faça uso de cosméticos Oil Free       

Se sua pele possui tendência a desenvolver acne, de preferência pelo uso de cosméticos específicos para o seu tipo de pele, em forma de gel, com filtro solar e oil free, que não possuem óleo em sua composição.

Seguindo essas dicas, você verá que é possível diminuir e até mesmo eliminar a acne sem muita complicação, mas caso ela persistir, não hesite em procurar a ajuda de um dermatologista.

Deixe uma resposta